América do Sul

O que visitar em Salta, na Argentina

Fundada em 1582 pelos espanhóis, originalmente chamava-se Muy Noble y Leal Ciudad de San Felipe de Lerma en el Valle de Salta. Assim, o nome, comprido demais virou simplesmente “Salta”.  Seu nome, segundo alguns historiadores deriva da palavra aymará sagta, que significa “bonita”. Enfim, de fato é uma cidade graciosa, com belas praças com muitas construções coloniais e algumas igrejas muito bonitas.

Vamos visitar em de Salta, na Argentina, a animada Plaza de armas?

Busão de La Rioja para Salta, na Argentina

A viagem de ônibus de La Rioja para Salta, na Argentina, seria de aproximadamente nove horas. Perfeita, portanto, para se fazer à noite, de bus-cama, se possível, ou pelo menos no semi-cama.
Assim também, todos os ônibus de longa distância existem toilettes a bordo. Na Argentina e Chile o serviço rodoviário foi quase sempre satisfatório.

Later-chek-out

Como o chek-out nos hotéis é geralmente até meio dia, ou mesmo antes, costumávamos solicitar um later-chek-out. Na baixa estação isso é comum. Fizemos o mesmo em Salta. Logo, pagamos meia diária a mais e abandonamos o quarto lá pelas cinco da tarde, quando seguimos para a o Terminal de Buses, a rodoviária.
Dessa forma, jantamos no terminal, compramos algo para beber e umas empanadas. Portanto, no ônibus, lá pelas onze, pegamos no sono e só despertamos quando já chegámos nos arredores da cidade.

Centro de Salta, na Argentina

Salta, na Argentina: hotel bem localizado

Ficamos um hotel sem nada de especial, porém bem localizado, com acesso fácil à praça principal e ruas adjascentes. Uma região da cidade repleta de lojas, restaurantes, agências de viagem, casas de câmbio, assim como todo um variado comércio.

Na praça ficava igualmente um prático escritório oficial de turismo, onde conseguimos um bom mapa.
Anote a dica – Em quase todas as cidades do mundo é mais prático se hospedar em região central.

Salta, na Argentina, igreja de la Candelária

Salta, na Argentina possui igualmente lojas com belas peças de artesanato em cerâmica, tecido ou madeira espalhadas por seu centro histórico.  O problema, portanto, seria transportar muita tralha através da América do Sul, ainda mais numa viagem de busão. Ainda mais, havia o risco de quebrar as peças mais frágeis.

Teleférico de San Bernardo

Resolvemos logo depois, subir no teleférico de San Bernardo, de onde se tem uma vista panorâmica da cidade a partir de um bar-restaurante no alto da colina, onde todo mundo se instala para tomar uma cerveja. Do alto tínhamos uma visão panorâmica da cidade. Assim, pudemos perceber que, fora do centro histórico todas as construções são modernas. Há muitos edifícios e as ruas formando quarteirões retangulares.

A cidade de Salta, na Argentina vista do alto

Tren de las Nubes

Eu já estivera em Salta há alguns anos, determinado a fazer a viagem que liga a cidade ao povoado de San Antonio de los Cobres pelo famoso Tren de las Nubes. Não tive sorte. Enfim, perdi a aventura.
As viagens foram suspensas por causa de problemas técnicos na velha ferrovia que começou a ser construída em 1920 e tomou 27 anos para ser completada. Assim, o turismo de Salta perdeu sua principal atração.

Viaduto La Polverilla, Tren de las Nubes, em Salta, na Argentina

O trem que perdeu a graça

Passou um tempo em obras. Eu soubera, entretanto, ainda no Brasil que voltara a funcionar e pensei: desta vez não vou perder! Porém, as coisas mudaram, o trem que saía de Salta e ia até o vilarejo de Santo Antonio de los Cobre não faz mais esse trajeto. Sai de Santo Antonio, vai até o famoso viaduto La Polverilla, fica parado ali meia hora e volta para a cidadezinha. Dessa forma, você volta para Salta de ônibus. Ou seja, maior enganação! Conto do vigário para turista ingênuo. Desistimos de fazer o passeio.

Rodoviária de Salta, na Argentina

Salta, aliás, apesar de ser uma cidade simpática e agradável não é repleta de atrações turísticas. O trem era a principal. Enfim, Salta era caminho obrigatório para alcançarmos Tilcara, na Quebrada de Humahuaca, uma viagem de algumas horas de busão, feita durante o dia.

Assuntos Relacionados:

Posts Relacionados

O que fazer em Bariloche, na Argentina

Sonhos de Viagem

Lago Maggiore, viagem para a Itália

Sonhos de Viagem
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x