Gastronomia

Comida em Paris:

Comida em Paris: comer em restaurantes

Vamos falar de comida francesa?
Em primeiro lugar uma dica: observe os restaurantes. Se notar que está cheio de turistas, pule fora. Coma onde os parisienses comem, como nós, do Canal do Youtube “Sonhos de Viagem”, fazemos.
Nem sempre porém, mas, frequentemente, os chamados “menus turísticos” são uma furada. Evite, da mesma forma, restaurantes vazios. Deve haver uma razão para isso!
Para não ter surpresas, não peça nada sem dar uma boa olhada nos pratos e nos preços, no menu. Sempre tem um do lado de fora, perto da porta do restaurante.

Comida em Paris: salada criativa

Comer em Paris

Saiba que na hora do almoço muitos restaurantes propõe “plat du jour” (prato do dia) ou formule, com preços interessantes. Dessa forma, a formule compreende normalmente, um prato principal, um acompanhamento e sobremesa. O plat du jour, por sua vez é um prato único, mais em conta, servida apenas no almoço. Assim também, o almoço costuma ser mais barato do que o jantar, em quase todo lugar.

Formules

Há igualmente “formules” (bife com batatas, por exemplo) e igualmente menus completos, com entrada e sobremesa incluídas. Não se surprenda, entretanto, se na sobremesa houver a opção “dessert (sobremesa) ou fromage (queijo)”. Explica-se, muitos francess gostam de comer queijo no lugar da sobremesa, após a refeição principal.

Comida em Paris: pratos saborosos

Os bistrots

Os bistrots são pequenos restaurantes familiares tipicamente franceses que, geralmente, oferecem refeições de qualidade por preços acessíveis. Geralmente, mas, nem sempre. Assim, há igualmente bistrots caros.
Muitos bistrots, visto se tratar de um pequeno restaurante familiar, costumam propor um menu mais reduzido, plat du jour e formules. Às vezes o estabelecimento inclui no menu uma jarra de um quarto de vinho por pessoa, uns dois copos médios. Está bom! Ninguém quer sair bêbado por Paris, cercando galinha!

Comida em Paris: bistrot em Paris

Comida francesa: vinho faz parte da refeição

Turismo é também provar vinhos dos países que você visita. Ainda mais na França!
O vinho pode, porém, encarecer um tanto a refeição, sobretudo quando você pede um vinho reputado. Normalmente, as cartas de vinhos dos restaurantes franceses costumam ter opções bem razoáveis, por preços acessíveis.

Comida em Paris: Vinho, ótimo acompanhamento para uma refeição na França:

Vinho da casa

Há igualmente, o vinho da casa (vin de la maison), servido em jarras. Esse vinho da casa às vezes surpreende. Assim, muitos proprietários de restaurantes têm contato com pequenos produtores no interior da França. Pequenos viticultores produzem às vezes vinhos excelentes, porém de comercialização local. Dessa forma, os donos de bistrot conseguem adquirir um lote de garrafas por um bom preço. E você, por sua vez, beber um bom vinho sem arruinar suas finanças!
Outras vezes, entretanto, o vinho da casa deixa a desejar. A melhor tática para saber se o vinho da casa servido no bistrot tem qualidade, é observar o que os clientes estão consumindo. Falo de clientes franceses, não visigodos ou mongóis chegados do fundão da Ásia, viajando a turismo, mas acostumados a só beber chá…

Comida em Paris: em restaurante de luxo faça uma reserva

Reserva é necessária em todos os restaurantes de luxo — e recomendável, mesmo em restaurantes bons, mas, não tão sofisticados.
Restaurante de luxo (e mesmos outros, bons, mas simples) principalmente nos finais de semana, à noite são, disputados na França.

Comida em Paris: filé com fritas, o mais básico possível, consta em todos os menus de restaurantes

Comida em restaurantes em Paris: se reservar não atrase

Por isso mesmo, para ter certeza de conseguir uma mesa, reserve com antecedência. Saiba, porém, em primeiro lugar, que os franceses apreciam pontualidade (detalhe que muitos brasileiros nem sabem o que é). Portanto, se você se atrasar, não vão gostar.
Saiba, porém, que atrasos na França são considerados falta de educação.
Se seu atraso for superior a uns quinze minutos, é possível que entreguem sua mesa a outro. Assim, tendo feito uma reserva, seja pontual! Ou seja, atrasos em Paris é considerado manque d’ éducation, monsieur...

Comida, em Paris: carbonara do restaurante Androuet

Comida em Paris: a comida de rua

Saiba, em primeiro lugar, que comida na França é cara para os padrões brasileiros. Assim, quem viaja a turismo para a França, nem sempre pode se dar ao luxo de almoçar ou jantar todo dia em restaurantes. Dessa forma, os não endinheirados precisam se voltar para as chamadas comidas de rua.

Comida em Paris ; comida de rua, as crepes

Ou seja, há variadas opções de crepes, faláfel ou até batatas fritas, a chamada comida de rua. Nós, do Canal Youtube “Sonhos de Viagem”, curtimos a comida de rua na França. Assim, somos talvez suspeitos para falar.
Em suma, quando traçamos nosso roteiro por Paris gostamos de, se bater alguma fome, no meio do caminho, comer uma crepe (doce ou salgada), um falafel, um pedaço de pizza, batatas fritas ou um sanduíche pita (que na França não é feito nem de filé-miau, nem de filé uu-uau!).

Comida em Paris: parisienses tomando descontraídos seu lanchinho numa praça do Quartier Latin

Finalmente, você pode comprar o que quiser em mercados, como frios, queijos, vinhos ou, em uma boulangerie, comprar o melhor pão do mundo e comer à noite no quarto. Igualmente, visto que é costume por lá, nós, por exemplo, entramos num super-mercado compramos um sanduíche e vamos comer numa pracinha, como todo mundo..

Comida em Paris, : sanduíche grego

Comida francesa: a comida de rua não significa apenas economia. É igualmente saborosa e prática

Enfim, nada é caro para quem tem os bolsos cheios
Nós, porém, adotamos a comida de rua não apenas para gastar menos. Assim também, nós curtimos essas guloseimas, da mesma forma que criança gosta de algodão doce… Portanto, você dá uma parada, saboreia uma crepe e continua seu passeio. Ou seja, a comida de rua em Paris é igualmente prática!

Comida em Paris : crepes, que delícia!

As crepes parisienses

Sobre as crepes, uma de nossas preferências em comida de rua, quero logo lembrar, que há crepes salgadas, de presunto e queijo, por exemplo, mas doces igualmente, como a de banana com nutella, deliciosa. Não é mesmo, Ketty?
Aquele meandro de ruas em Paris perto do Sena, entre o Bd. Saint-Michel e a Saint-Jacques é repleto de pequenos restaurantes, lanchonetes e quiosques de comida de rua. Assim, um dos lugares mais em conta em Paris para se comer.

Queijo e vinho no quarto de hotel

Os queijos, como os vinhos, são algumas das maiores especialidades francesas quando se fala em gastronomia. Assim, em muitos restaurantes servem tábuas de queijo, que os franceses comem no final da refeição.
O melhor, porém, é ir você mesmo a uma queijaria e escolher os queijos que quer experimentar.

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é PARIS-COMIDA-QUARTO.jpg
Comida em Paris, queijo, frios, pão e vinho no hotel

A escolha é tanta que você se perde, e acaba comprando mais queijo do que consegue comer…
Depois, imediatamente, pense em escolher um vinho, de preferência tinto e uma baguette para acompanhar os queijos. Comece, porém, saboreando os queijos de sabor mais suave. Um roquefort deve ficar para o final da degustação.

Comida, em Paris: fromagerie em Paris

Para nós, a gastronomia dos países que visitamos em nossas andanças, é um lado importante da viagem. Podemos não comer escorpião frito em Bangkok, mas em Paris nos refestelamos de escargot quando o bolso permitia!
O fato é que, a França é uma referência mundial quando se fala de culinária, seja a de restaurantes badalados (nem sempre tão caros), seja a comida de rua, ou mesmo os produtos que podem ser comprados em mercados. Sem falar dos vinhos e dos pães! Ah, sim e temos, incluisive uma matéria específica sobre: Queijo Francês por região 

Boa viagem e bom apetite!

Assuntos Relacionados:

Posts Relacionados

OM 001- Anno de 1527 – “O Ouro Maldito dos Incas” – Ouro e aventura

Sonhos de Viagem

Hotéis em Roma : onde se hospedar

Sonhos de Viagem

05 De Paris a Katmandu de carro – “A Vaca na Estrada” – o Irã que conhecemos

Sonhos de Viagem
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x