Europa

Turismo em Portugal: do Algarve a Caminha pelo litoral

Deixando o Algarve

Em uma manhã ensolarada de novembro pegamos assim novamente a estrada, desta vez rumo norte do Algarve a Caminha pelo litoral. Dessa forma, passamos ao lado de Lisboa, porém, não entramos na capital, que seria deixada para o final de nossa viagem por Portugal.

Ponte 25 de abril, a encruzilhada

Ao alcançar o Tejo chegamos a uma gigantesca ponte que já se tornou um ícone da capital lusitana. Trata-se, assim, da Ponte 25 de Abril, inaugurada em 1966. Ela liga as duas margens do rio Tejo, de Lisboa à cidadezinha de Almada. Essa ponte é, portanto, como uma espécie de divisor de águas (literalmente!) para aqueles que têm tempo para percorrer Portugal.

Turismo em Portugal: Ponte 25 de Abril, Portugal

Essa ponte, na época da ditadura salazarista chamava-se Ponte Salazar. Após a Revolução dos Cravos, com a volta da democracia, teve, porém, seu nome mudado para Ponte 25 de Abril. Foi bonita sua festa, pá…
Ao chegar de carro à ponte tínhamos, portanto, dois caminhos: entrar à direita rumo a Lisboa, ou a esquerda para, acompanhando a costa, subir rumo à fronteira espanhola, como foi a nossa opção.

Estoril, Cascais, Cabo da Roca

Nesse tour visitamos tudo de carro, incluindo Estoril e Cascais. Estávamos no outono, felizmente. Ou seja, escapamos da bagunça do verão, quando esses balneários ficam lotados de turistas de toda a Europa.
Outros lugares, como Cabo da Roca, tem certo interesse em razão de seu centro histórico no alto de uma colina.

Turismo em Portugal: Estoril

Você não precisa, entretanto, dormir em Estoril ou Cascais. Ou seja, muitos desses lugares são pequenos, tem um diminuto centro histórico, que você visita em uma ou duas horas apenas. Em suma, visitamos esses lugares e prosseguimos nossa viagem.
De carro é realmente mais prático, você pode, porém, se preferir, visitar muitos lugares de trem ou de ônibus.
Posto de Turismo de Cabo da Roca: Cabo da Roca – Azóia
:https://visitsintra.travel

Turismo em Portugal: Cabo da Roca

Sintra

Na serra de Sintra ficam as ruínas do Castelo dos Moros, uma imensa fortaleza do século X, de onde se avista todo o vale abaixo. É igualmente em Sintra que fica o curiosíssimo Palácio da Pena, um exemplo expressivo da arquitetura do Romantismo do século XIX, super extravagante, que parece mais uma mistura de diferentes estilos.
Nós, chegamos a Sintra de carro, porém, é possível visitar a cidade a partir de Lisboa, tomando um trem na estação do Rossio, uma viagem de aproximadamente meia hora. Depois, na estação de Sintra, há um ônibus circular até os castelos.

As pérolas do turismo Português perto de Lisboa

Vale à pena ressaltar: Sintra é outras das pérolas do turismo português. Por isso recomendamos mesmo aos que pretendem apenas visitar Lisboa, que aproveitem e conheçam também atrações nos arredores, como Sintra e Mafra.
Posto de Turismo de Sintra: Praça da República, 23
[email protected]

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é PORTUGAL-SINTRA-PALACIO-PENA.jpg
Turismo em Portugal: Palácio da Pena, em Sintra

Mafra

Outra visita que incluímos em nosso roteiro foi o Palácio Nacional de Mafra, igualmente conhecido como Convento de Mafra, a cerca de 25 quilómetros de Lisboa. O Palácio Nacional de Mafra é um conjunto formado por um palácio e um convento. Seu estilo barroco, é marcado por algumas influências romanas e germânicas.
Em Mafra paramos para almoçar. Era domingo, assim procuramos um restaurante onde as famílias portuguesas comem, evitando os chamados menus turísticos, muitas vezes a maior enganação.
Posto de turismo : Palácio Nacional de Mafra – www.cm-mafra.pt

Turismo em Portugal: Palácio Nacional de Mafra

Óbidos

Desviando um pouco para o interior, embicamos para Óbidos, cidade da época dos romanos, cercada de muralhas do período medieval. Você penetra na cidade por uma grande porta em arco. Em suma, o lugarejo é um charme e possui um belo castelo pertencente às Pousadas de Portugal, que recebe hóspedes.

Turismo em Portugal: Óbidos

Aproveitamos descontos de baixa temporada, pagamos uns 70 euros e dormimos no castelo. Em termos europeus é muito barato, tendo-se ainda em conta que nos hospedamos num castelo medieval incrível. Uma curiosa experiência porque tudo foi conservado como era há séculos. A diferença é que incluíram confortos modernos, como banheiros, wi-fi etc.Dormimos duas noites em Óbidos, aproveitando para perambular pela cidadezinha, que é um charme.
Posto de Turismo de Óbidos: Rua da Porta da Vila
[email protected]

Peniche

Peniche, uma pequena cidade de menos de 30 mil habitantes, pode ser visitada a partir de Óbidos. São apenas uns 8 km de estrada. Embora seja um pequeno balneário, a principal atração de Peniche é sua fortaleza, que servia de prisão durante a ditadura salazarista.

Turismo em Portugal: Peniche
Os Dez de Peniche

Uma curiosidade : a fortaleza foi, assim, palco, em 1960, de um episódio conhecido como “Os Dez de Peniche“, que desmoralizou o regime salazarista. Ou seja, dez prisioneiros políticos conseguiram fugir utilizando uma corda feita de trapo de algodão dos lençóis. Não mataram ninguém, apenas anestesiaram o carcereiro. Outra curiosidade: um dos fugitivos se chamava Francisco Martins Rodrigues. Fiquei honrado em saber que alguém com meu sobrenome deu esse baile na ditadura salazarista…

Caldas da Rainha

De Óbidos subimos a rodovia A8 durante uns dez km, no sentindo norte, rumo a Nazaré. Assim, só demos uma desviada para visitar en passant Caldas da Rainha ( a 1 hora de Lisboa), famosa por suas cerâmicas, por seus jardins e por seu Complexo Termal, do qual faz parte, além das caldas, o Museu do Hospital e, igualmente um  antigo Hospital Termal.
Posto de turismo de Caldas da Rainha : Rua Engº Duarte Pacheco
www.turismodocentro.pt

Turismo em Portugal: Hospital Termal Caldas da Rainha

Nazaré

Nazaré, 40 km ao norte de Óbidos, é destino obrigatório para quem faz turismo religioso.
Enfim, Nazaré não era nosso perfil, porém resolvemos dar uma olhada pelo menos para conhecer seu centro histórico, bem conservado.
De qualquer forma, Nazaré, além do turismo religioso é, igualmente, um balneário muito procurado, com praias lindas.

Turismo em Portugal: Nazaré

O centro histórico de Nazaré é de fato bem simpático. Porém, a principal atração de Nazaré é seu funicular que liga a parte baixa da cidade até a parte alta, conhecida como “Sítio”. Do alto tem-se, assim, uma linda vista da cidade de Nazaré e arredores.

O Sítio e a Igreja de Nossa Senhora de Nazaré

Muita gente que vem fazer turismo religioso em Nazaré, vai até Sítio só para conhecer a igreja de Nossa Senhora de Nazaré, erguida no século XVII.
Posto de Turismo de Nazaré: Mercado Municipal – Av. Vieira Guimarães
www.turismodocentro.p

Fátima: outro point do turismo religioso em Portugal

Enfim, quem veio realmente fazer turismo religioso pode aproveitar para visitar Fátima, na altura de Nazaré, a 65 km da costa. Fátima é, assim, onde a Virgem teria se apresentado a 3 crianças, pastorzinhos de ovelhas e revelado 3 segredos… (Não entendo, porém, porque a Virgem não foi contar esses segredos diretamente para o papa…).

Turismo em Portugal: Nazaré

O fato, porém, é que a ditadura salazarista, fortemente apoiada pela Igreja, explorou ao máximo essa lenda. Ou seja, deu certo até hoje.
Fátima, aliás, vive de vender santinhos e imagens, seus hotéis costumam ficar lotados de beatos.
Posto de Turismo de Fátima: Av. D. José Alves Correia da Silva, 213
www.turismodocentro.pt

Alcobaça

Antes de mais nada, é bom saber: Alcobaça é outro dos mais antigos centros portugueses, com uma história anterior ao império romano (que mais tarde anexaria a cidade). Posteriormente, Alcobaça foi conquistada pelo mouros. Em suma: a Reconquista cristã só ocorreu no século XII, conduzida pelo rei Afonso Henriques.

Turismo em Portugal: Mosteiro de Alcobaça

Mosteiro de Alcobaça

O mosteiro do século XVI, construído a mando de Dom Diniz, é a principal atração de Alcobaça. Enorme, o complexo é classificado como Patrimônio da Humanidade pela Unesco. Ele compreende o mosteiro e, igualmente, a primeira igreja lusiitana em estilo gótico.
Durante mais de uma hora, num passeio que consideramos uma volta no tempo, perambulamos, assim, por todas as alas do mosteiro, podendo conhecer as células dos monges, o refeitório e o Claustro de Dom Diniz.
Posto de Turismo de Alcobaça: Rua Araújo Guimarães, 28
www.cm-alcobaca.pt

Batalha

Seguindo nosso roteiro, nos desviamos 20 quilômetros para o interior de Portugal para conhecer Batalha, cidade fundada no ano de 1500. Batalha, com uma população, atualmente, de apenas 8 mil habitantes, é dessa forma, famosa por seu Mosteiro em arquitetura gótica tardia, que começou a ser construído em 1386 por D. João I.
Suas obras tomaram quase dois séculos. O mosteiro, igualmente conhecido como “Templo da Pátria”, fica no centro de Batalha, a120 km de Lisboa e a 200 km da Cidade do Porto.

Turismo em Portugal: Batalha

Batalha, uma das maravilhas de Portugal

Conhecê-lo é um mergulho na história medieval lusitana. Afinal, além de ser um destaque no turismo luso é considerado como uma das sete maravilhas de Portugal. Em suma, uma obra prima incontornável, considerada Patrimônio da Humanidade pela Unesco. Inclua no seu roteiro!!!
Posto de Turismo de Batalha: Praça Mouzinho de Albuquerque
2www.turismodocentro.pt

Figueira da Fóz

Entre Peniche e Figueira da Fóz você estará, assim, rodando rumo ao norte, sendo, porém, obrigado, ora a se aproximar da costa, ora se afastar um pouco, dependendo das atrações que deseja visitar. Dessa forma, estudando o mapa assinalamos, assim, algumas pérolas do turismo português, como Peniche, Óbidos, Caldas da Rainha, a menos de 10 km, Ou seja, destino perfeito para quem faz turismo religioso em Nazaré.
Posto de Turismo de Figueira da Fóz: Av. 25 de Abril
E-mail: [email protected]

Turismo em Portugal:C entro de Figueira da Fóz

Aveiro

A cidade, muito simpática, chama a atenção em primeiro lugar, por sua arquitetura influenciada pela famosa arte-decô. Aproveite, assim, ao visitar o centro, para conhecer alguns pequenos museus que merecem uma olhada.
A cidade é uma graça em razão de suas casinhas coloridas e, ainda mais, pelos canais (rias), que saem da laguna. Ou seja, por suas rias Aveiro é, igualmente, conhecida como “Veneza de Portugal”, o que já considero um exagero. De qualquer forma, recomendo o passeio de barco pela laguna. É, assim, um passeio a ser feito em uma embarcação conhecida como moliceiro, muito a grosso modo, uma espécie de gôndola local.

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é AVEIRO-PRAIA.jpg
Turismo em Portugal: Praia em Aveiro

O passeio lhe permitirá, igualmente, apreciar outras vistas de Aveiro, em ângulos diferentes.
Aproveitamos, assim, para visitar as praias de Aveiro, de especial interesse para europeus do norte do continente, que chegam a comprar uma residência secundária por lá.

Os doces famosos de Aveiro

Finalmente, o que mais agrada aos turistas em Aveiro é sua gastronomia, em especial seus doces de ovos moles, os tais doces conventuais, que são famosos. Levando muito açúcar em suas receitas, são, porém, bastante “engordativos”. Assim, peça ao seu nutricionista que o perdoe, porém os doces de Aveiro justificam qualquer transgressão! Em suma, se algum engraçadinho comentar que você engordou, responda ao atrevido que você simplesmente enriqueceu sua cultura gastronômica…
Posto de Turismo de Aveiro: Rua João Mendonça, 8
3810-200 AveiroTelefone: +351 234 420 760Fax: +351 234 428 326E-www.turismodocentro.pt e visitcentrodeportugal.com.pt

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é PORTUGAL-DOCES-DE-AVEIRO.jpg
Turismo em Portugal: Doces de Aveiro

 Porto

A próxima etapa foi de uns 80 km, até a Cidade do Porto, outra pérola do turismo português. Porto, da mesma forma que Lisboa, tem tantas atrações, é tão interessante, que tivemos assim, que dedicar uma postagem exclusiva neste um blog, consagrado inteiramente à essa cidade linda.
Saiba mais sobre:- Turismo em Portugal: Cidade do Porto 

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é portugal-porto-1.jpg
Turismo em Portugal: Ribeira, Cidade do Porto, junto do rio Minho

Viana do Castelo

Logo, seguindo pela mesma estrada, cheia de povoados graciosos, após rodar uns 90 km chegamos a Viana do Castelo. Trata-se assim, de uma cidade do século III, fundada por Afonso III. Foi, ainda mais, durante muito tempo, um dos mais importantes portos portugueses da época. Ou seja, era de seu porto que partiam boa parte das caravelas que investigavam o litoral africano em busca de um caminho marítimo para as Índias.
Viana do Castelo, junto a foz do rio Lima, espremida entre colinas e o Atlântico, possui, igualmente, um belo centro histórico em volta da Praça da República. Ali nos deparamos com construções seculares – palacetes e igrejas, tendo ao centro uma fonte construída no ano de 1530.

Turismo em Portugal: Viana do Castelo

O centro histórico de Viana do Castelo

Antes de mais nada, saiba que todo o centro histórico de Viana do Castelo é interessante. O destaque, porém, fica para a antiga prefeitura, com fachada gótica, decorada com o brasão, que inclui uma caravela.
Outra atração do centro histórico de Viana do Castelo é a sua igreja matriz do século XV, a Sé, situada na Rua Sacadura Cabral. Repare, igualmente, nas construções medievais nos arredores da Sé.

Turismo em Portugal: Viana do Castelo

A mais interessante, é a Casa dos Velhos, um exemplo da arquitetura portuguesa do século XV. Perto dali, há, aliás, diversas outras construções medievais.
Viana do Castelo possui igualmente, um museu municipal de certo interesse. Ainda mais, ele funciona em um prédio do século XVIII, conhecido por seus móveis antigos, louças orientais e seus paineis de azulejos. Em suma: o edifício por si só compensa a visita.

Funicular de Santa Luzia

O Funicular de Santa Luzia é, igualmente, um programa que não se pode perder: trata-se, assim de uma subida de 650 metros que o levará até o alto do morro. Ou seja, oferece uma vista panorâmica dos arredores. Procure, porém, se for possível, fazer esse passeio no final da tarde para apreciar Viana do Castelo iluminada pelo sol poente.

Turismo em Portugal: funicular de Santa Luzia, em Viana do Castelo

Continuando a subir o litoral português rumo à fronteira espanhola, após rodar apenas uns 25 quillômetros, chegamos assim a Caminha.

Posto de Turismo Viana Welcome Center, Praça da Liberdade
www.vivexperiencia.pt/vianawelcomecente
Posto Municipal de Turismo de Viana do Castelo – Praça do Eixo Atlânticoa
www.vivexperiencia.pt

Turismo em Portugal: Caminha

Caminha

A cidade conserva um gracioso centro histórico repleto de imóveis medievais como o Palácio dos Paços do Concelho, (“Concelho” mesmo!) e a Torre do Relógio, parte das velhas muralhas do castelo de Caminha. Igualmente, no centro, fica a Igreja Matriz, construída no século XV, em estilo gótico, com elementos renascentistas e manuelinos.

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é CAMINHA.jpg
Turismo em Portugal: Viana do Castelo

Caminha, fica na fronteira com a Espanha, país que mantinha relações tensas com Portugal. Dessa forma, foi, desde a Idade Média, protegida por uma poderosa fortaleza. Seu estilo atual, incorporou, portanto, técnicas defensivas vauban, ( com muralhas em forma de estrela), na época quase inexpugnáveis. A fortaleza data de 1640.
Posto de Turismo: Praça Conselheiro Silva Torres – [email protected]

O caminho de volta

Tendo subindo desde o Algarve até a fronteira espanhola, acompanhamos, assim, a costa sempre que possível. Visitamos, dessa forma, todos os lugares de real interesse junto do litoral. De Caminha seguiríamos para Valença do Minho, 24 km território adentro, acompanhando o rio Minho.

Turismo em Portugal: As estradas portuguesa, bem sinalizadas

De lá iniciaríamos, posteriormente, a descida por outras estradas mais no centro do território lusitano.

ASSUNTOS RELACIONADOS:

1 – Turismo em Portugal – Roteiro de viagem
2 –Turismo em Portugal: Algarve, o início da viagem
3- Turismo em Portugal: do Algarve a Caminha pelo litoral 
4- Turismo em Portugal: Cidade do Porto 
5 – Turismo em Portugal: Valença do Minho a Lisboa
6 – Turismo em Portugal: o Alentejo 
7- Turismo em Portugal: Lisboa 
8 – Turismo em Portugal: atrações em Lisboa 

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é LOGO-BLOG-CERTO-PADRÃO-1024x1024.jpg

Posts Relacionados

Turismo em Portugal – Roteiro de viagem

Sonhos de Viagem

Turismo em Portugal: Lisboa

Sonhos de Viagem

Turismo em Portugal: atrações em Lisboa

Sonhos de Viagem
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x